quarta-feira, abril 19, 2006

Correntes e afins

Pois mais uma vez fui apanhada numa corrente, desta vez quem me passou foi a Papoilasaltitante.
Então tenho que dizer 5 pânicos que eu tenha. Ora tenho andado a matutar no assunto e resolvi ir ao dicionário ver o que dizem sobre pânico, uma vez que acho que pânico, pânico, não tenho. Tenho alguns medos, isso sim.
Então o velho dicionário diz assim: pânico , que assusta sem motivo; terror súbito sem fundamento; alarme. Ora assustar-me sem motivo não me parece. Assim vou dizer 5 medos que me perturbam o bom funcionamento dos meus dias.
  1. Tenho um enorme medo de cegar, de deixar de ver;
  2. Tenho um enorme medo de ficar dependente de alguém e estragar-lhe a vida;
  3. Que aconteça alguma desgraça aos meus filhos;
  4. Que me roubem a carteira;
  5. Tenho medo de ratos, brrr, nojentos, horríveis...
Agora tenho de passar a mais 5 pessoas. Ora bem atiro ao ar e quem quiser apanhar que apanhe.


Música de Kate Tunstall - The other side of the world

Powered by Castpost



Agora vou responder ao desafio do Mocho (que é falante). O objectivo é divulgar Organizações Não Governamentais Nacionais ou Estrangeiras (ONG).
Digo-vos já que foi difícil escolher, uma vez que admiro todas estas organizações.

A FENACERCI foi constituída em 12 de Abril de 1985, é uma Instituição de utilidade pública que representa as Cooperativas de Solidariedade Social, espalhadas por todo o país, que facultam atendimento directa ou indirectamente a cerca de 7 mil crianças, jovens e adultos portadores de deficiência mental ou multideficiência e famílias.


A Fenacerci, Federação Nacional das Cooperativas de Solidariedade Social, é a estrutura representativa das cooperativas deste sector e tem por missão fundamental promover a criação de condições que pela via do reforço das organizações associadas, defendam os interesses e direitos das pessoas com deficiência mental e suas famílias.


Os seus principais objectivos são:

• Promover o reconhecimento dos direitos dos cidadãos com deficiência mental, defender os seus interesses e os das suas famílias.
• Contribuir para que o atendimento que lhes é facultado tenha sempre como pressupostos de base critérios de qualidade, dignidade e adequabilidade.
• Actuar junto dos interlocutores institucionais para assegurar a implementação de medidas politico-legislativas e de apoios financeiros, no sentido de serem criadas melhores condições de intervenção.
• Sensibilizar e formar a opinião pública, intervindo junto dos meios de comunicação social, facilitando uma mudança de atitude que permita uma melhor integração das pessoas com deficiência mental.


Têm sempre uma campanha que se realiza este ano entre 6 e 28 de Maio, que é a venda do PIRILAMPO MÁGICO que todos conhecemos. Essa campanha de rua, original, faz com que toda a gente possa contribuir e é uma maneira de divulgar as suas acções.

Também me compete passar esta tarefa a alguém, como é de utilidade pública, vou passá-la à Jawaa e ao Planalto Central.


Para seguirem a jornada ouçam a música de Mariah Carey - Any time you need a friend

Powered by Castpost


Ainda neste propósito e para dar resposta ao pedido de uma amiga , a Wakewinha, aqui vai mais uma ONG, eleita por mim.

A Amnistia Internacional Portugal foi criada a 18 de Maio de 1981, fazendo 25 anos de existência este ano.

Todo o ano de 2006 será dedicado a evidenciar o nosso trabalho em prol dos direitos humanos em Portugal e no mundo.


A Amnistia Internacional nasceu em 28 de Maio de 1961.

A sua criação teve origem numa notícia publicada no jornal inglês "The Observer" em que era referida a prisão de dois estudantes portugueses por terem gritado «Viva a Liberdade!» na via pública. O advogado britânico Peter Benenson lançou então um apelo no sentido de se organizar uma ajuda prática às pessoas presas devido às suas convicções políticas ou religiosas, ou em virtude de preconceitos raciais ou linguísticos.

Um mês após a publicação do apelo, Benenson já havia recebido mais de mil ofertas de ajuda para coligir informações sobre casos, divulgá-las e entrar em contacto com governos. Dez meses passados, representantes de cinco países estabeleciam as bases de um movimento internacional.


VISÃO E MISSÃO

A visão da Amnistia Internacional é a de um mundo em que cada pessoa desfruta de todos os Direitos Humanos consagrados na Declaração Universal dos Direitos Humanos e noutros padrões internacionais de Direitos Humanos.
De modo a cumprir esta visão, a missão da Amnistia Internacional consiste na investigação e acção destinadas à prevenção e acabar com os graves abusos à integridade física e mental, à liberdade de consciência e expressão, a não ser discriminado, dentro do contexto de uma promoção de todos os Direitos Humanos.

E para finalizar venham à Rua da Judiaria para perceber o que foi feito à 500 anos . E se não puderem ir ao Rossio, Lisboa, acendam uma vela nas vossas varandas pelas 19h.

Eu acendi!

<"De sua justiça">

5 Comments:

At 5:15 da tarde, Blogger Wakewinha said...

Nãããããããããão!!!!!!!!!!!!!!!!!! =O Isto não está a acontecer, está? A Caracolinha, a Papoila Saltitante... e tu também? Será que o Mocho e eu estamos ligados por algum microchip cerebral que nos faz pensar nas mesmas pessoas????
Seja como fôr, passa por aqui para perceberes do que estou a falar, e... olha, nem sei o que te diga para fazer!!! =(
Beijinho*

 
At 6:59 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Boa! Parabéns por mais este post de utilidade pública.
Divulgar a existência e os objectivos destas instituições nunca é demais até por que as CERCI's têm vindo a fazer um trabalho admirável.
Bjs Lena

 
At 7:43 da tarde, Blogger papoilasaltitante said...

LOOOOOOOOOOL E parece que e e tu também estamos ligadas por um microchip cerebral...looool
E lembrámo-nos as duas da AI !!!!
Loool Eu acendi a minha vela!
Bjs

 
At 8:25 da tarde, Blogger Brigida Rocha Brito said...

Este post é MUITO, MUITO, MUITO BOM! Excelente!!!! Parabéns Teté pela iniciativa. bjs

 
At 8:38 da tarde, Blogger Mocho Falante said...

olha que eu posso dizer...muito obrigado por continuares com a missão de divulgar as ONG afinal de contas a blogoesfera também tem de ser para estas coisas...

é pá a Mariah Carey está a cantar aos soluços, coitada da miuda pá!!!!

Ps: Adorei a mensagem da falta de comparência loooll

Beijcoas

 

Enviar um comentário

<< Home