terça-feira, abril 11, 2006

Dois em um

POR CÁ JAZZ

De passagem, do Norte a caminho do Sul, é o que tem de bom morar no Centro, deixo-vos aqui mais uma notícia do que se faz, e bem, por estas bandas. A não perder.
O 9º Festival de Jazz do Valado de Frades

Música de Katie Melua - Nine Million BIcycles

Powered by Castpost

Valado de Frades fica situado no Concelho da Nazaré, Distrito de Leiria. Fica a poucos Km de Alcobaça.
Valado dos Frades é uma vila onde uma pequena minoria ainda segue a tradição da agricultura, principalmente no cultivo de cenouras, batatas, couves, feijão verde e outros produtos hortícolas.
O Valado é conhecido pelos seus campos, pelas suas terras fertéis dado o facto de estar rodeado pelo Rio da Areia, Rio Alcoa, Rio do Meio e pelo Rio das Tábuas.

De 20 a 22 e de 27 a 29 de Abril, no Clube Valadense. Do cartaz fazem parte Estardalhaço Brass Band, Trio de Afonso Pais + Edu Lobo, Rodrigo Gonçalves "Tribology", Sexteto de Tomás Pimentel, Marta Hugon Quarteto - "Tender Trap" e "Cuidado com Bobi!". Destaque ainda para a exposição de fotografia de Mercedes Pineda, a Feira de Cds e Dvds da editora Trem Azul e pintura ao vivo nos concertos. O director artístico recorda que o Festival de Jazz de Valado dos Frades faz já parte integrante da história do jazz em Portugal, pois assim o consideram os músicos que nele têm participado. A continuidade deste Festival é assegurada pelo apoio do Instituto das Artes/Ministério da Cultura e pela Câmara Municipal da Nazaré e restantes apoiantes, mas a sua realização deve-se essencialmente à amizade entre os seus organizadores. "A grande motivação tem sido os excelentes concertos realizados e a presença de um público fantástico, a quem agradecemos e com o qual contamos como o grande terceiro apoiante", refere Adelino Mota, que agradece ainda a todos os que apoiam, tocam, colaboram, divulgam e assistem a este festival. [tudo daqui]
O programa e mais informação pode ser encontrada aqui.


------------------------------------------------------------------------------------------------
TERRA DE GENTE IMPORTANTE

Alberto Bernardes Costa

Nasceu em Évora de Alcobaça, concelho de Alcobaça, distrito de Leiria, em 1947.
É casado e pai de três filhos.
Fez a escola primária e o liceu em Leiria, tendo sido aí distinguido com o Prémio Nacional
Licenciou-se em Direito na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, onde viria também a leccionar, e fez em Leiria o estágio de advocacia e o início da sua vida profissional...
...Foi ministro da Administração Interna (1995/1997), tendo integrado o Conselho de Ministros de Justiça e Assuntos Internos da União Europeia em seis presidências...
...É autor de diversas publicações sobre temas jurídicos e políticos, nomeadamente Tribunal Penal Internacional e Na Convenção Europeia.
Colaborou nas revistas O Tempo e o Modo, Vértice, Seara Nova, Política Internacional, Revista Jurídica de Macau, Revue du Tiers Monde, Europa Novas Fronteiras, em diversas obras colectivas e jornais.
Alberto Costa é o actual Ministro da Justiça. Um homem de Alcobaça. Tive o prazer de ser colega , embora por pouco tempo , uma vez que já se reformou, de uma irmã deste Senhor, a Professora Emília Costa, aqui em Alcobaça. Professora de Português sempre interventiva e com uma cultura fora do comum.
Mais uma vez falo desta terra que não é minha nem a sinto como tal, mas que durante, já lá vão 14 anos, me acolheu e viu os meus filhos crescerem.

<"De sua justiça">

6 Comments:

At 9:26 da manhã, Anonymous cristiana bernardes said...

Não é por ele ser da minha família, a sério, mas acho que ele está a fazer um óptimo trabalho nesta legislatura, talvez o melhor desempenho dele de sempre! Gosto da firmeza com que conduz os assuntos e fez frente à Polícia Judiciária, que andava mortinha por novas instalações junto ao rio, hehe, que custavam uma fortuna!!

 
At 11:25 da manhã, Blogger papoilasaltitante said...

Olá amiga!!
O festival de Jazz no Valado foi durante muito tempo uma das unicas "pedradas no charco" na cultura de região. Continua a ser um dos melhores festivais de Jazz levados a cabos fora dos grandes centros, Lisboa e Porto.O cartaz este ano promete mais uma vez, lá temos nós programita para mais uns dias não é???
Bom quanto ao teu segundo post deste formato "shampoo 2 em 1", também me parece que Alberto Costa saberá o que anda a fzer...mas ainda não mexeu bem em todos os lobbies da justiça em Portugal!!! Já meteu o braço dentro do vesperiro... mas precisa ir mais fundo!!
Bjs e boas estadias pelas territas do sul de Portugal!

 
At 6:11 da tarde, Anonymous IO said...

Kumo, mas kumo é k'é poçível misturar o Alberto com a Melhor música do Mundo, oh, TT!... vão ao Valado que vale MESMO a pena!! Foi uma grande conquista do pós-pós-25 de Abril: já há bom jazz nos pequenos sítios da zona centro!!, beijo, IO.

 
At 8:25 da tarde, Blogger Su said...

fiquei informada
jocas maradas de jazz

 
At 1:50 da manhã, Blogger Caracolinha said...

Olha minha querida maga da net .... e grande amiga que ontem me ia fazendio rebentar uma hérnia de tanto rir .... segundo conta .... esse filho da vossa terra, de nome Alberto Costa, mora aqui para os meus lados agora ...

Olha pá, vim deixar-te um abraço daqueles bem fortes e uma beijoca encaracolada cheia de bom humor ...

Ouve pá, ganda maluca que tu me saiste !!!!

:))))

PS. mandei o teu recado ao mocho ... :))))

 
At 12:23 da manhã, Anonymous Ni said...

Fizeste "justiça" TT!O Adelino Mota e amigos merecem o destaque ao seu/nosso festival de jazz!!!
Lá estaremos!!!
Quanto à outra justiça(e estou de acordo com a IO)prefiro comentar sobre a Emília Costa,que me guiou e bem,os primeiros passos por essas paragens.

 

Enviar um comentário

<< Home