sábado, junho 10, 2006

DEMO CRACIA

DEMOCRACIA? ANARQUIA? DITADURA?

Governo vai colocar 2500 desempregados a limpar matas

O Governo vai obrigar 2500 desempregados inscritos nos centros de Emprego e Formação Profissional e beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) a trabalhar na limpeza de matas e manutenção de infraestruturas, no âmbito do comb
ate aos fogos florestais.
Segundo a edição desta sexta-feira do jornal Correio da Manhã, que cita o despacho publicado ontem no Diário da República, as pessoas que se recusarem a aceitar o referido trabalho, «perdem o seu direito à recepção da prestação de desemprego».
Os desempregados seleccionados têm ainda direito a receber d
o Instituto de Emprego um subsídio complementar ao subsídio de desemprego, enquanto os beneficiários do RSI passam a receber um subsídio ocupacional. Os valores, quer do primeiro, quer do segundo, não foram, no entanto, divulgados.
Desenvolvido prioritariamente entre Abril e Outubro de cada ano, o Governo estipula ainda que sejam as entidades promotoras destes programas ocupacio
nais (municípios, freguesias, associações humanitárias, bombeiros, etc.) a proceder ao «pagamento de despesas de transporte e alimentação, bem como do seguro de acidentes pessoais dos destinatários».

Música de Pólo Norte - Faz de conta

Powered by Castpost

Sinceramente nunca gostei muito de política e sempre deixei que quem gostasse e se interessasse que decidisse o melhor, pensava eu, para o seu (nosso) País.
Neste momento pensava eu, outra vez, que vivia em Democracia.
Parece-me que estou enganada mais uma vez. Parece que o que está em causa é poupar (o Estado, claro) a todo o custo nem que para isso tenham que ser ditadores e obriguem as pessoas a fazer o que bem lhes passa pela cabeça. Virando este assunto para as escolas, devo dizer-vos que o mesmo se passa. Qualquer dia os Professores, sejam eles, bons, honestos, responsáveis ou não, estão a limpar as salas onde dão as suas aulas, a limpar as casas de banho, a servir as refeições, etc, etc. E não pensem que considero isto um trabalho menor ou maior, não. Acho que neste momento, vale tudo, quem manda, manda e quem não manda, obedece, tudo na perspectiva da poupança. Se puser os professores a fazer o trabalho dos Auxiliares de Educação, poupa-se uma pipa de massa; se pusermos os Professores a fazer o trabalho dos Administrativos, poupa-se uma pipa de massa… Esses, depois vão para o desemprego e vão limpar matas ou varrer ruas ou lavar carros ou sei lá fazer o quê o que eles mandarem ou lhes der na real gana.

Este País anda como a minha escola, desorganizado, desgovernado. Quanto mais querem obrigar e apertar o cerco, menos se faz, mais se encontram os buraquinhos para escapar. Sempre foi assim, só que agora é tudo à descarada. E quem mais escapa, mais feliz vive, mais luxos tem, mais fama obtém e com isso mais ganha. É um ciclo vicioso. Ora vejam, eu fui ao Rock in Rio com a minha filha, gastei 106 € só para os bilhetes. A tenda VIP (finos, ricos) estava cheia. Quantos compraram bilhetes? Os ricos que por uma boa causa deviam comprar no mínimo 2 bilhetes e oferecer um, não, vão à borla, por uma boa causa e nós pobres do povo sacrificamo-nos e lá vamos pagar por uma boa causa. Este mundo realmente anda ao contrário e cada vez o entendo menos.

Pela enésima vez subiram as taxas de juro, os transportes, a água, a electricidade, o gaz , o pão e o nosso ordenado não sobe, será isto respeito pelos contribuintes? Não será que merecem que não entreguemos a declaração de IRS, todos os Portugueses, à excepção claro, dos governantes (os únicos trabalhadores honestos e produtivos deste País). Que façamos uma greve geral pararmos o País, cada um na sua varanda (em vez da bandeira), cada um na sua casa, na sua rua, no seu bairro. Que acham? Talvez pensem um pouco em nós e descubram que precisam de nós, que merecemos respeito.



Porque nada se nega a um amigo:
AVISO URGENTE - Quem estiver há alguns meses sem receber o Abono de família, deverá dirigir-se à Segurança Social da sua área. O Estado deu as declarações que os contribuintes enviam para processamento a uma empresa privada. Aparentemente houve um... problema informático (dejá vu!) na dita empresa e ter-se-ão perdido milhares de declarações.
Os responsáveis da Segurança Social preferiram omitir a situação e deixar que os contribuintes descubram por eles próprios. Enquanto não reclamarem não recomeçam a receber. Pior ainda, fonte na Segurança Social garante que a posição oficial da mesma é: NÃO PAGAR OS MESES EM RECTROACTIVO CASO OS CONTRIBUINTES NÃO CONSIGAM PROVAR QUE ENVIARAM A DECLARAÇÃO.

<"De sua justiça">

14 Comments:

At 11:01 da manhã, Blogger francis said...

Compreendo a tua revolta porque é também a minha.
Até concordo que se faça um projecto desses e que ponham desempregados que aderirem a limpar as matas para ganhar um extra. No entanto, é inadmissível que se corte o subsídio a quem não o fizer. É anti-democrático; afinal o dinheiro da Segurança Social é o NOSSO DINHEIRO! Se não o quiserem pagar quando estivermos desempregados, então deixemos de descontar para a Segurança Social e esta que nos pague todos os anos de descontos que fizemos.
Beijinhos e bom fim-de-semana!

 
At 11:17 da manhã, Blogger francis said...

Outra coisa. Fiz um aviso urgente no meu sítio. Passa lá e ajuda-me a divulga-lo.
Bjs!

 
At 11:48 da manhã, Blogger José Manuel Dias said...

Gostei...Voltarei!

 
At 12:47 da tarde, Blogger luis manuel said...

Desde dia 7 - e pelos vistos houve temporáriamente justificada dificuldade, não encontrei oportunidade para deixar algumas palavras.
Percebe-se que não foi aos Xutos e Pontapés aos governantes, embora nalguns casos compreenda razões para isso.
Por ser pessoa "habituada" a tais maleitas e apesar de os 20 (anos de idade e kilos) já não serem os mesmos, os 15 (dias) estarão quase a terminar. E com resultados positivos, fazendo fé no "topo de gama" na "choufeuse" e no apoio familiar. Há !! e no caso da própria, no seu mais valente "Fortius".
Rápidas melhoras !

Incompreendida por muitos e usada como arma para justificar muitas incompetências familiares... a carreira dos professores.
Em momentos vividos, depositei profunda confiança e sobretudo respeito, que estendia como obrigação aos que sentados nas cadeiras, evoluiam na sua aprendizagem. Volto a recordar a retribuição de ignorância e desrespeito - de alguns, a par de enorme oferta gratuita de conselhos, de orientações e de mútua preocupação no sucesso - de outros / muitos. É verdade que a maioria estava do lado de fora, mas houve-os do lado de dentro. Quer isto dizer que, não saúdo a exigência ou crítica por algum possível direito. Saúdo sim e acredito sempre, no diálogo e na consciência das responsabilidades de cada um.
Por isso, não desejo "melhoras", mas sucesso e boa harmonização na (vossa) carreira dos professores.
Para que sejam mais "Altius" e consigam levar-nos mais "Citius".

Um grande abraço - daki...para a(l)i

 
At 3:03 da tarde, Blogger mixtu said...

mas a verdade é que não há melhor regime que a democracia, a verdadeira democracia
besitos

 
At 6:05 da tarde, Blogger amigona said...

É melhor não te desinteressares por política, não achas querida amiga? Afinal tem a ver com a nossa VIDA!!! Beijo...

 
At 7:13 da tarde, Blogger papoilasaltitante said...

É este país no seu melhor amiga!!1
espero que estejas bem melhor!
sardinhada dia 17 de pé e esperemos para acompanhar uma vitória!!!
Bjs e amanhã roemos as unhas em conjunto ;))))
Bjs

 
At 8:26 da tarde, Blogger SentadaAoLuar said...

Democracia......isso ainda existe??....será utupia?....
Obrigada pela visita, voltarei!

 
At 8:59 da tarde, Blogger marakoka said...

melhoras para ti.

demo...cracia


jocas maradas

 
At 10:40 da tarde, Anonymous Daniela Mann said...

Isto ainda vai dar para o torto, ai vai vai!!!

 
At 10:58 da tarde, Blogger Mariana said...

Na minha opinião as atitudes do governo são o reflexo dos cidadãos :$

Infelizmente!


[*]

 
At 11:01 da tarde, Blogger O Pi@d@s said...

A Democracia é, pelo que consigo avaliar, um mal menor.
Quanto ao facto de não alinhares numa greve para "reagir às declarações" de uma Ministra, tens a minha admiração! Nem é tanto pela pobreza do objecto dessa greve, é pela inoportunidade (???). Pelo que ela esconde...!
Os professores não merecem o descrédito em que a FENPROF os afunda...

;-)

 
At 11:08 da tarde, Anonymous joana said...

tas bem, mto bem, max falta algu....ah, xá xei! beleza!! :P loldowt jokas fofas, joana

 
At 12:58 da manhã, Blogger Pecaaas said...

Oh! Portugal, Portugal, onde é que tu vais parar.....
Onde chegámos1
bj e bom domingo
Pedro

 

Enviar um comentário

<< Home